OCORRÊNCIA E CARACTERIZAÇÃO DE Puccinia sorghi Schwein EM MILHO HÍBRIDO P30K75

Ana Paula Ferreira de Franco, Daniel Diego Costa Carvalho

Resumo


O milho tem sido amplamente cultivado no estado de Goiás para atender à demanda de grãos, e o amplo cultivo possibilita também o aumento expressivo de doenças, a exemplo da ferrugem comum (Puccinia sorghi). Este trabalho teve como objetivo caracterizar o fungo P. sorghi e confirmar sua ocorrência em folhas de milho. Em áreas experimentais da Universidade Estadual de Goiás (UEG), Câmpus Ipameri, foram realizadas avaliações fitossanitárias em plantas de milho hibrido P30K75 exibindo sintomas de ferrugem. As folhas foram coletadas e analisadas em estereomicroscópio para caracterização da sintomatologia e confecção de lâminas microscópicas semi-permanentes. Em seguida, realizou-se o registro de imagens e a caracterização micromorfológica dos urediniósporos. Os urediniósporos possuíam dimensões (comprimento e largura) que variavam de 21,4 – 33,2 x 19,5 - 24,2 µm (25,8 x 20,7 µm) e, baseando-se nas descrições da literatura, confirmou-se a ocorrência de P. sorghi em milho híbrido P30K75 em Ipameri, Goiás.

Texto completo:

PDF

Referências


ARTHUR, J. C. The grass rusts of South America; based on the Holway collections. Proceedings of the American Philosophical Society, Philadelphia, v. 64, p. 131-223, 1925.

BRANDÃO, A. M.; JULIATTI, F. C.; BRITO, C. H.; GOMES, L. S.; VALE, F. X. R.; HAMAWAKI, O. T. Fungicidas e épocas de aplicação no controle da ferrugem comum (Puccinia sorghi Schw.) em diferentes híbridos de milho. Bioscience Journal, Uberlândia, v. 19, p. 43-52, 2003.

CARVALHO, D. D. C.; OLIVEIRA, A. M. E.; LAGO, H. M. S.; RODRIGUES, F. Incidência de Bipolaris bicolor em sementes de sorgo granífero no Brasil. Revista Brasileira de Milho e Sorgo, Sete Lagoas, v. 13, p. 240-247, 2014.

COSTA, R. V.; CASELA, C. R.; COTA, L. V. Cultivo do milho: Doenças. Sete Lagoas: Embrapa Milho e Sorgo, Sistemas de Produção, 2. 2009. Disponível em: . Acesso em: 04 de dezembro de 2014.

DEADMAN, M. L.; AL SADI, A.; AL MAQBALI, Y. First Report of Puccinia sorghi on Maize in Oman. Plant Disease, Saint Paul, v. 90, p. 826-826, 2006.

FARR, D. F.; ROSMAN, A. Y. Fungal Databases, Systematic Mycology and Microbiology Laboratory, ARS, USDA. Disponível em: Acesso em: 04 de dezemvro de 2014.

FERREIRA, D. F. Sisvar: a computer statistical analysis system. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 35, p. 1039-1042, 2011.

GALVÃO, J. C. C.; MIRANDA, G. V. Tecnologias de produção de milho. Viçosa: Universidade Federal de Viçosa, 1 ed, 2004. 366 p.

GUTH, T. L. F. Perspectivas para a agropecuária. v.2. Safra 2014-2015. Brasília: Companhia Nacional de Abastecimento. 2014. 158 p. Disponível em: . Acesso em: 04 de dezembro de 2014.

IMB - Instituto Mauro Borges. Produção Agrícola – Séries Históricas. Disponível em: Acesso em: 04 de dezembro de 2014.

MINNIS, A. M.; FARR, D. F.; ROSSMAN, A. Y. Fungal Nomenclature Database, Systematic Mycology and Microbiology Laboratory, ARS, USDA. Disponível em: Acesso em: 04 de dezembro de 2014.

MIRANDA, A. R.; DUARTE, J. O.; GARCIA, J. C. Cultivo do milho: Economia da produção. Sete Lagoas: Embrapa Milho e Sorgo, Sistemas de Produção, 1. 2012. Disponível em: . Acesso em: 04 de dezembro de 2014.

PEREIRA O. A. P.; CARVALHO, R. V.; CAMARGO, L. E. A. Doenças do milho. In: KIMATI, H.; AMORIM, L.; REZENDE, J. A. M.; BERGAMIN FILHO, A.; CAMARGO, L. E. A. Manual de fitopatologia: Doenças das plantas cultivadas. São Paulo: Agronômica Ceres, 2005. p. 477-488.

REIS, E. M.; CASA, R. T.; BRESOLIN, A. C. R. Manual de diagnose e controle de doenças do milho. 2. ed. Lages: Graphel, 2004. 144 p.

VASCONCELOS, C. V.; SILVA, D. C.; CARVALHO, D. D. C. Ocorrência de Alternaria alternata (Fr.:Fr.) Keissl. em tubérculos de batata, no Brasil. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 44, p. 219-222, 2014.

VON BULOW, J. F. W. As ferrugens (Puccinia sorghi, P. polysora, Physopella zeae) do milho (Zea mays). I. Revisão Bibliográfica. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v.1, p. 249-262, 1966.




DOI: https://doi.org/10.37856/bja.v90i3.230

Apontamentos

  • Não há apontamentos.